Sexta, Maio 06, 2016
   
Text Size


Ervas Sufocantes

Avatar

 Havia no cume da montanha uma bela e frondosa árvore, como outra jamais ouve em todo mundo. Era esta árvore de proporções gigantescas mãe de todos os frutos numa grande mistura se sabores e qualidade. Porém houve uma era em que suas folhas verdes e seus galhos iam sistematicamente atacados por ervas, tão daninhas que provocavam uma grande guerra. As ervas deixavam em liberdade os frutos cuja natureza não permitia vingarem coisas boas, e sufocava os frutos esplendorosos em que a árvore mãe depositava suas esperanças de boas sementes. Invejosas, as ervas maldosas impediam aos bons frutificarem, e aos poucos matava a maior árvore dentre todas. Mas ela ainda tinha a esperança de que um dia viesse o salvador, e lhe libertasse, antes que fosse tarde de mais, pois onde não se deixam vingar os bons frutos, resta apenas o deserto.  



Adicione este artigo à sua Rede Social favorita
Digg! Reddit! Del.icio.us! Google! Live! Facebook! StumbleUpon! Yahoo! Joomla Portal
Comentários (0)
Escrever um comentário
Your Contact Details:
Gravatar enabled
Comentário:
[b] [i] [u] [url] [quote] [code] [img]   
Security
Por favor coloque o código anti-spam que você lê na imagem.

Viagens Etéreas e Psicodélicas Impressas no Éter Universal

Divulgue o Simplicíssimo

 
 

(by Carla)

Login



Restore Default Settings