Domingo, Fevereiro 07, 2016
   
Text Size


Onde fica a Nicarágua?

Avatar

Eu estava iniciando minha apresentação sobre os genocídios cometidos pelo Governo ianque na America Latina, quando fui surpreendido pela pergunta que intitula esta crônica.

Não, caros leitores, a pergunta não partiu de um aluno do Primário ou de um ginasial menos informado – mas sim de um Mestrando em POLİTICA INTERNACIONAL na Universidade de Osaka: uma das mais conceituadas universidades japonesas...

Irritado, sugeri que consultasse um mapa. Não iria perder meu tempo explicando-lhe que estava na América Central. Grosseiro de minha parte? Pode até ser. Mas o que realmente enervou-me não foi sua ignorância, e sim o tom de desprezo na elaboração da pergunta. Ora, meus amigos, sabemos que a América Latina e outras regiões do chamado Terceiro Mundo são tradicionalmente esquecidas pelos países mais ricos (recuso-me a usar o termo “desenvolvidos”); mas o Japão é um caso de alienação extrema.

E, antes que me acusem de racista ou de que não compreendo nossos irmãos nipônicos, permitam-me desiludi-los com um fato: à parte de Europa, os Estados Unidos e – vai lá – alguns países asiáticos, o povo japonês, com raríssimas exceções, não tem a mínima noção de geografia mundial. Nestes sete anos vivendo no país, eis algumas das respostas mais comuns que tive que proporcionar, não a pessoas que jamais freqüentaram uma escola; mas a estudantes universitários, professores e até a um diretor de multinacional:

“Espanhol? Não, o Brasil é o único país na América Latina que fala Português...”

“Buenos Aires é a capital da Argentina.”

“Se vivo em árvores?… Não, e a sua genitora, vai bem?...”

A lista de preciosidades é enorme. E de situações inusitadas também. Certa vez, uma colega de Faculdade correu atrás de mim para perguntar-me se eu era francês. Até aí tudo bem. O interessante mesmo foi que, ao descobrir minha nacionalidade, ela não conseguiu esconder o desapontamento. Como se eu fosse culpado de ser... brasileiro.

Ah, os estereótipos. Ou seria falha do sistema de ensino? Perguntando a minha esposa como ensinam Geografia neste país, sua resposta foi: “Memorizamos alguns nomes de países para a prova e pronto. Depois disso, esquecemos.”

Pena que os países pobres não possam dar-se ao mesmo luxo: o de esquecer os nomes dos credores...

 



Adicione este artigo à sua Rede Social favorita
Digg! Reddit! Del.icio.us! Google! Live! Facebook! StumbleUpon! Yahoo! Joomla Portal
Comentários (9)
  • Cibelly Correia
    avatar
    nossa....cômico se não fosse trágico...

    perguntas idiotas realmente merece respostas grosseiras...

    odeio esse tipo de desprezo, que certo país de 1º mundo tem com países considerado de 3º mundo..



    mas sabe.. aprendi uma coisa...

    quando me fizerem alguma pergunta imbecil falarem "Não, e a sua genitora, vai bem?...”"



    rsrs..

    abraçossss simpleamigo
  • Lilly Falcão  - E eu que achava...
    avatar
    ...que: "tu não tem medo das onças e dos leões andando pelas ruas do Brasil?" era A PÉROLA
    cunhada por um estadunidense para o meu irmão nos EUA! (a MÃE do nativo entrou na resposta também!)



    Uma surpresa pra mim o Japão sofrer do mesmo mal! Continue nos informando, Ed!

    Estamos curtindo tudo...de cabeça pra baixo! Bjks :P :0 :woohoo:
  • Léa Sperb
    avatar
    Que realidade mais "escroncha"!!! Mas infelizmente nesses momentos nos deparamos com as
    sementes plantadas por aqui!!! :( :shock:
  • João Batista dos Santos
    avatar
    E a culpa disso tudo é de quem? Hein, hein? Até uma criança sabe disso: é dos parasitas que estão no
    poder, os maus (e existem bons?) políticos. Ótimo artigo, colega. E essa é uma velha verdade, sempre
    nova. Abraços.
  • Eduardo H. Sabbi e Ibbas Filho  - Nomes
    avatar
    Como disse o nosso excelentíssimo presidente Lula, homem de pérolas impensadas e impensáveis:
    "Minha mãe nasceu analfabeta"!!!

    :0 :dry: :woohoo:



    Mas ainda bem que não se precisa estudar nomes antes do casamento. Já pensou? Já geografia humana (a
    tal de anatomia) sempre cai bem, para não fazer feio na lua-de-mel - rsrsrsrss



    Grande abraço!
  • Edweine Loureiro  - Pois e, meus amigos...
    avatar
    Antes de morar no Japao, tinha uma ideia bem diferente da realidade (creio que igual a muitos
    brasileiros): que e aqui seria um pais "evoluido", uma "educacao" mais avancada, o
    pais das oportunidades bla bla bla... A verdade e que eles ainda nao se libertaram dos preconceitos
    do shogunato: estrangeiro, de uma forma geral, nao e bem vindo. trabalho em uma companhia onde havia
    ano passado 15 estrangeiros; um a um eles foram sendo tirados (hoje sobram 3) de uma forma sutil e
    torturadora pelos japoneses, que desejam a empresa "limpa de estrangeiros" - :) E um fato:
    eles nao se sentem confortaveis com nossa presenca! sei que muita gente vai "chiar", por
    mostrar um lado mesquinho de um povo tao idolatrado por nos brasileiros. Parodiando o Grande Bruxo,
    perdoem-me se carrego nas tintas do pessimismo e da melancolia, mas por enquanto foram as duas cores
    que aqui encontrei... B) And friends: "There is no place like home! believe me..."
  • Anônimo  - re: Trágico é a pessoa que não sabe nem falar sua
    avatar
    Cibelly Correia Escreveu:
    nossa....cômico se não fosse trágico...
    perguntas idiotas realmente merece respostas grosseiras...
    odeio esse tipo de desprezo, que certo país de 1º mundo tem com países considerado de 3º mundo..

    mas sabe.. aprendi uma coisa...
    quando me fizerem alguma pergunta imbecil falarem "Não, e a sua genitora, vai bem?...”"

    rsrs..
    abraçossss simpleamigo
  • Campos
    avatar
    Cada qual no seu cada qual, gente do sul do Brasil,

    não gosta e pior se acha superior a gente do norte

    do Brasil.

    Não que isso seja correto, mas se sofremos de

    anomalia xenofóbica dentro de casa que dirá

    fora dela..

  • joao  - humm
    avatar
    nem li esse texto mas pelo geto é tenso kkkkkkk
Escrever um comentário
Your Contact Details:
Gravatar enabled
Comentário:
[b] [i] [u] [url] [quote] [code] [img]   
Security
Por favor coloque o código anti-spam que você lê na imagem.

Viagens Etéreas e Psicodélicas Impressas no Éter Universal

Divulgue o Simplicíssimo

 
 

(by Carla)

Login



Restore Default Settings